quinta-feira, 19 de setembro de 2013

Meu Mundinho Fictício: [Resenha] Demônios Não Choram - Samuel Cardeal



Meu Mundinho Fictício: [Resenha] Demônios Não Choram - Samuel Cardeal:

O ano é 2184, a tecnologia avançou de forma veloz e assustadora. A sede do homem pelo “progresso” fez se exaurir grande parte das reservas naturais do planeta. Diante da escassez geral de alimentos e fontes de energia, a terceira grande guerra foi inevitável. Depois de um confronto sangrento de violência irracional e desenfreada, a guerra acabou, e o resultado: todos foram derrotados. O mundo que conhecemos hoje foi reduzido a destroços de uma civilização que não mais existe. Mais de 90% da população foi dizimada. Diante da fragilidade dos sobreviventes, as criaturas que antes viviam nas trevas, escondidas e agindo enquanto todos dormiam, fizeram do planeta destruído seu domínio. Os humanos, aterrorizados, passaram a se esconder em abrigos subterrâneos e em velhas galerias de esgotos. É nesse cenário caótico que Ezequiel, um caçador de demônios, viverá a jornada que mudara totalmente o rumo de sua vida e da de muitos outros. Um cavaleiro solitário que vaga pelas terras devastadas, caçando e eliminando os Filhos do Inferno. Mas Ezequiel não tem esperança de um futuro melhor, persegue os infernais somente por ser a única coisa que sabe fazer. Quando o caçador, após um exorcismo, se vê obrigado a levar consigo a menina que salvou, uma onda de acontecimentos o conduz à derradeira aventura que culminará no embate final entre a Terra e o Inferno. Somente um será o vencedor, e o destino do que resta da humanidade depende da coragem de Ezequiel e dos aliados que se juntarão a ele nesta incrível e perigosa jornada. Se falharem, Terra e Inferno passaram a ser um só mundo, de eterno castigo para todas as almas humanas.

Autor: Samuel Cardeal
Ano: 2013
Editora: Auto publicação
Categoria: Distopia, terror
Nota: 5/5


Demônios Não Choram
Suspense, mistérios e ação se misturam nesse futuro caótico

Imagine um mundo destruído por guerras e abuso à exaustão dos recursos naturais. Imagine que até mesmo outros astros, como o Sol, foram afetados por esse mal uso. Imagine os poucos humanos restantes tendo de viver e se esconder em abrigos subterrâneos e se alimentar de dos seres mais nojentos possíveis, como forma de sobreviver. Junte tudo isso ao medo e pavor de demônios que assombram suas vidas. O cenário realmente não é dos melhores, não é? Mas no meio desse caos existe pessoas dispostas a lutar e combater, então adicione à mistura exorcistas competentes, aliados confiáveis e uma boa dose de ironia. Imagine tudo isso, e você terá o contexto da vida na Terra em Demônios não choram. Dosando bem suspense, ação e mistérios, essa obra que mistura distopia e terror irá prender sua atenção do início ao fim.


Leia a resenha AQUI

Um comentário:

  1. Olá, tudo joia?!
    Está lindo seu blog, já estou te seguindo...
    Segue o meu tbm, eu iria adorar!!!
    http://manyelly.blogspot.com.br/
    http://www.pinterest.com/manyelly/
    Sucesso para você!!!
    Bjo

    ResponderExcluir